segunda-feira, 18 de abril de 2011

AFBEPA ESTEVE NO BANPARÁ EM REUNIÃO URGENTE COM A DIRAD HOJE

A AFBEPA, representada pelo diretor Paulo Vítor, acompanhado da assessora jurídica Dra. Valéria Fidélis e do delegado sindical Wilson Leão Monteiro esteve, nesta tarde, em reunião com a direção do Banpará questionando sobre as denúncias de retaliação e perseguição política contra funcionários que entraram com ação judicial contra o banco ou, em outros casos, que retornaram, cedidos que estavam ao governo anterior.

Diante das colocações da AFBEPA, a Dirad pediu um prazo para responder aos questionamentos da Associação, e nova reunião ficou marcada para o dia 20 de abril, quarta-feira, 17h30. Também na quarta-feira, às 15h30, ocorrerá a reunião da AFBEPA com os engenheiros do banco para tratar do mesmo assunto.

É importante ressaltar que hoje, três dos cinco bancários que estão reclamando as injustiças procuraram a Associação através de seus diretores e assessoria. Imediatamente a AFBEPA procurou o banco e um assessor da Dirad recebeu os representantes da Associação, a pedido da Diretora que não recebeu a AFBEPA porque estava em reunião com o Presidente do banco.


Continuaremos a informar a categoria sobre os rumos de mais essa luta, sem jamais perder o foco central da nossa luta por DIRETAS JÁ! QUERO VOTAR NO BANPARÁ! Lembramos que por dentro dos Comitês internos do Banpará várias questões decisivas para nossa vida funcional são tratadas e precisamos de representantes realmente comprometidos com a nossa defesa, com os nossos interesses, direitos, lutas e conquistas! Por isso, vamos lutar para escolher, por meio do voto direto, nossos representantes no Comitê Disciplinar, Comitê Trabalhista, Comitê de Segurança e GT PCS.





*

7 comentários:

Anônimo disse...

Muito bem AFBEPA. Postura séria, equilibrada e justa. E, acima de tudo, defesa das nossas lutas!
Parabéns!

Anônimo disse...

Um dos pontos poitivos da diretora Marcia é o equilibrio com que ela trata seus subordinados,parabens a ela.

Anônimo disse...

Achei interessante que a AFBEPA não pegou só o caso dos que vieram do antigo governo, mas também o caso dos engenheiros que foram descomissionados, isso tá certo! Não é pra cuidar só dos "meus", como fez o sindicado, mas pra cuidar de todos os que sofrem qualquer tipo de perseguição e os engenheiros, o caso deles é grave!

Anônimo disse...

Na base do diálogo podemos resolver tudo amigavelmente...
Parabéns a AFBEPA e ao BANPARÁ (DIRAD). "Várias cabeças pensam melhor que uma"...

Anônimo disse...

Um dia o "Sindicato" vai se arrepender da graça. Mas só no dia que deixarem de militar em causa própria e forem um pouquinho mais inteligentes e se unirem à verdadeira luta aos interesses da classe dos bancários. Será que isto está perto ou está longe de acontecer?

Anônimo disse...

Um dia o "Sindicato" vai se arrepender da graça. Mas só quando eles forem um pouquinho mais inteligentes e se unirem à verdadeira luta dos interesses dos bancários. Será que isso irá ocorrer logo ou ainda vai demorar pra cair a ficha?
Lembrem-se a confiança perdida será conquistada aos poucos com muito serviço prestado a categoria...

Anônimo disse...

Jamais imaginei que a Márcia Miranda fosse mudar com o novo cargo. Espero que continue sendo sempre aquela Márcia dos tempos da Sudep e dos agradáveis sorrisos nos eventos e seminários que ela organizava. O chato é que, acima dela, há uma autoridade e que já mostrou o seu modo de lidar e tratar subordinados e que não levará a nada esse tipo de atitude, pois, vc mesmo já veio de onde nós estamos.
Estou e sempre estarei com a AFBePa, que realmente luta em prol de nossas causas. Tanto que estarei me desfiliando do Sindicato dos Banqueiros. Vamos em frente!