sexta-feira, 5 de outubro de 2012

ACT SERÁ ASSINADO NA SEGUNDA-FEIRA, 08.


Ocorreu hoje, 05, as 17h, a reunião que seria para assinar o ACT do Banpará, mas como o texto foi repassado às entidades somente no meio desta tarde, a reunião foi suspensa e, de comum acordo, será retomada as 13h da próxima segunda-feira, 08. 

Alguns ajustes deverão ser feitos para que o texto seja absolutamente fiel ao que foi aprovado na assembléia dos funcionários.

Durante a reunião, outros assuntos foram levantados como o resgate do tíquete extra; a necessidade urgente da implantação do ponto eletrônico nas agências, postos e caixas avançados; os problemas com relação ao não pagamento de todas as horas extras no Banpará; o pedido de anulação das medidas que alteraram os horários de atendimento no interior; e outros, tratados, todos, no ofício 016/2012 enviado pela AFBEPA ao Banpará. Ficou acertado o compromisso de uma nova reunião para o encontro de soluções para esses e outros problemas.

Durante o final de semana estaremos em reuniões analisando o texto enviado pelo Banpará. O ACT deve ser assinado na segunda-feira, 08.

UNIDOS SOMOS FORTES!




*

4 comentários:

Anônimo disse...

Vi uma diferença entre a matéria do sindicato e da Afbepa:luta pelos ticketes extras. Parece que apenas a Afbepa continua na luta pelo resgate dos ticketes extras, o que demonstra sincero interesse pelas causas dos trabalhadores. Bom, acho praticamente impossível o banco voltar atrás na sua decisão, mas vale o esforço e a demonstração de comprometimento com a categoria, o que não vemos por parte do Sindicato Pelego.

Anônimo disse...

Todo o cuidado é pouco! Esses amarelos são capazes de tudo! Olho vivo!

Anônimo disse...

Tomara a amnésia tome conta da nossa direção e venham com outra história. Aproveito a oportunidade para citar o destino do nosso finado Ticket Extra: tudo enfiado na campanha de 2º turno do candidato do governador. Ele nunca dá murro em ponta de faca. A máquina do governo estadual, às nossas custas e do din do povo estão patrocinando pesadamente a campanha do candidato tucano.

Anônimo disse...

Vamos voltar com a greve, então. Cambada de enganadores e mentirosos, que mandam e desmandam nesse sindicato vendido e que defende sim a causa patronal. Isso precisa acabar já em abril de 2013.