segunda-feira, 8 de novembro de 2010

BANPARÁ FAZ FESTA FESTA NO HANGAR

Banpará comemora bons resultados ao completar 49 anos de história

Da Redação
Agência Pará

O Banco do Estado do Pará (Banpará) comemorou com festa, no Hangar Centro de Convenções e Feiras da Amazônia, os 49 anos da presença da estatal no território paraense, na sexta-feira (5). Funcionários e convidados prestigiaram a comemoração em meio à exposição e lançamento do livro que relata a trajetória do Banpará no mercado financeiro interno e externo, sobretudo sua importância para o desenvolvimento local.

Para o presidente do Banpará, Affonso Rodrigues Vianna Neto, a celebração marca o início das comemorações do cinquentenário de prestação de serviço do Banco. "Esse é um momento que se tenta resgatar a história do Banpará, especialmente nos últimos quatro anos, marcado com bons resultados, saindo de 300 mil para 400 mil clientes. Então, é um banco que está mais fortalecido entre a sociedade paraense", ressaltou.

Affonso Rodrigues lembrou que, na verdade, o Banpará fez aniversário no dia 26 de outubro, mas por restrições à legislação eleitoral não teve como comemorar a data nesse dia.

Presente ao evento, a governadora Ana Júlia Carepa destacou o crescimento financeiro da sociedade mista na atual gestão. "O Banpará cresceu e hoje apresenta lucro de mais de R$ 30 milhões só no primeiro semestre de 2010, enquanto em 2006, o lucro era de R$ 6 milhões. Além disso, entregamos cinco novas agências, duas no interior e três na capital, um avanço considerando que antes disso, não se inaugurava agências havia 18 anos", enfatizou ela.

Para a governadora, hoje o banco está saneado, com os pontos de atendimento sendo reformados para melhor atender a população paraense. Ela disse ainda que o Banpará está adequado às novas exigências do mercado e comentou que "como bancária que fui, concedi reajustes acima da média do país, porque os funcionários do Banco são o seu maior patrimônio".

"O Banco está sempre em ascendência e me acho inserido e com capacidade para ajudar a empresa a mais um período de construção da sua história. Sobretudo, porque deixou de ser apenas uma prestadora do serviço financeiro e passou ampliar suas ações como parte integrante do Estado no que se refere ao desenvolvimento econômico e social", comentou o servidor Marco Antônio Gusmão, há 39 anos no Banpará.

Por ser um dos funcionários mais antigo do Banpará, Marco Antônio recebeu simbolicamente o livro "Memórias do Banpará" das mãos da governadora. A ideia com essa publicação é familiarizar toda a sociedade com as lutas e conquistas do Banco, bem como do estado do Pará.

Edna Nunes - Secom

Fonte: Agência Pará de Notícias

3 comentários:

Anônimo disse...

Faltou as fotos desse evento maravilhoso.

Luiz disse...

Credo,os caras estão sendo defenestrado do governo,festas,festas e festas,mais não perdem a pose!!!
Parece que comem ovo e querem arrotar caviar,só uma perguntinha,será que os membros da diretoria do sindicato dos bancários foram nessa festas???Eles e a direção do banco eram tão amiguinhos,hehehehe.

Anônimo disse...

CORREÇÃO:
Já começaram as apostas no banco,quem será que dará as caras na ponte do galo em 2011???Lembrem-se que a ponte é considerada um castigo para os dissidentes.
Caras novas aparecerão por lá, Rosário da dirad,Franssinete da dirad,Gricélia,etc...
Quem será que vai para o castigo.
Se fosse Big Brother,seria para o paredão.
E se fosse na fazenda iria para a roça,hehehe